amor

Amour

13:03



Amores completos não existem. Acho que, se você já passou dos quinze, aprendeu isso com a vida te esfregando essa verdade na sua cara. Amores perfeitos, também não existem. Essa coisa de e eles viveram felizes para sempre, é só a metade da história. Ninguém nunca te contou o que vem depois dessa frase, nem nunca vão contar, porque um dia você vai descobrir. Mas antes disso, vou te contar o tipo de amor que existe.
 
Existe aquele amor cheio de idas e vindas, cheio de curvas e vírgulas. Que entre uma briga e outra sai de casa, mas sempre volta com seu sorvete preferido como se nada tivesse acontecido. E você vai amar esse amor, justamente por ele ser assim. Aquele amor igual de criança. Os dois não vão se suportar, vão brigar, implicar um com o outro e no outro dia ta tudo bem.
 
Tem também aquele amor de um domingo chuvoso, com cobertores e café quente. Aquele que consegue aquecer o coração mais congelado que existe. Que amolece qualquer coração de pedra. Que faz você se entregar como se nunca tivesse se apaixonado, como se nunca tivesse se frustrado. Esse amor é o que mais dá saudade e vontade de ficar junto. E se você é daqueles que duvida que não haverá enjoo um com o outro eu te respondo que não, não haverá. 
 
Tem aquele amor implicante. Que te irrita, e faz você lutar contra o que sente, mas ele te pega de jeito e mostra o que é amar. Aquele que começa devagarzinho dentro do peito e, quando começa a querer explodir, você segura o máximo ele ali dentro como um animal enjaulado. Ele dá seu jeito, começa a sair entre as brechas. Aparece naquele sorriso ao ler aquela mensagem, naquele coração acelerado ao ouvir uma voz ou sentir um cheiro. Quando der por si, já esta completamente contaminado.
 
Tem o amor que você pensa que foi embora e ai quando menos espera é invadido por ele de novo, ai pensa que simplesmente a chama reascendeu e te deu uma nova chance de amar mais uma vez. Mas ele esteve ali o tempo todo, escondidinho do lado esquerdo do peito, como um dragão adormecido esperando a hora certa de acordar. Não é sua segunda chance. É a terceira, quarta, décima. Não adianta manda-lo embora, porque ele sempre vai voltar.
 
Entre todos esses amores imperfeitos, tudo que a gente quer é ter alguém pra conversar no final do dia. Pernas quentes para esquentar nossos pés gelados durante a madrugada. Alguém pra falar de sexo sem tabus. Alguém para fazer sexo sem tabus. Um beijo gelado no verão, um suspiro quente no inverno. Amores perfeitos não existem, existem pessoas que fazem com que ele seja seu, e cara isso é perfeito.


 

You Might Also Like

0 comentários

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.