amor

Um cigarro extra e uma dose de certezas

13:57



Hoje eu venho falar de certezas, Já parou pra pensar quantas vezes você realmente esteve certo e quantas vezes errado nessa linda e perfeita vida que levamos? Acontece que ela não  é tão linda, perfeita ou certa. Injusta, cálida e misteriosa se enquadra mais a realidade, porem, tu te tornas quem tu és arranjas daqueles amigos que são pra sempre seres fantásticos, quase  fabulosos de tão irreais, eu mesmo conheço o coelho da Alice, a rainha de gelo de Narina e alguns anões que são pequenos demais para mais de um sentimento por vida.

 E esses seres fabulosos resolvem te transformar no que querem por simples desabafo ou concepção da vida deles, vê se pode? Cada um que cuide do seu buraco, reino ou caverna de diamantes, por que essa noite eu tirei pra chorar, pra sentir, pra desabafar e logo isso morre junto com a madrugada sensível aos raios de Sol e logo, logo você não sabe mais que horas são. Eu choro, grito, saio no meio do trabalho parando três linhas de produção porque não estou bem, porque acredito fielmente que eu não sou essa carne e ossos que você tem visto e achado que enxerga. 

Eu choro e puta que pariu como choro, aonde me der vontade porque ninguém, a não ser a minha emoção, me diz onde é que eu devo chorar, não sou dessa imensa maioria que se esconde debaixo dos cobertores, porque ouviu da boca de algum ignorante que é feio chorar. Mas, meu motivos preferidos pra chorar são saudade - porque quer dizer também q valeu a pena] e pelo sentimento de que fiz merda. Ah como eu amo e odeio o sentimento de “fiz merda” quer dizer que não sou desses que ama a cidade de São Paulo, aquela que nunca dorme a ponto de me transformar num insone recalcado com o coração tão cinza quanto a cidade amada. 

Choro e me lamento porque como diz Zeca Baleiro tristeza não é pecado”, quem foi que disse que passaríamos por essa vida sem dor??? Li num livro ai que a dor deve ser sentida, pois eu a sinto, até quase me consumir, viver dói, perder gente pra vida dói, ressaca dói, e você não deixou até agora de andar por medo de cair e ralar o joelho, e espero que não evite o vinho pelo medo da manha seguinte. 

O foda é que ainda há seres limítrofes, daqueles que já viveram demais, já viram de tudo e tem tantos e poucos anos de experiência nesse mundo e se julga um sábio de qualquer merda que eles próprios julguem importante. Porque não sei se vocês repararam, mas o tanto de futuros pensadores, filósofos contemporâneos, falsos eruditos e porras nenhuma que essa geração esta amamentando no sagrado leite de lítio das baterias de celular não tem como caber nos dedos do pé da Cicarelli, gente que fala fala fala e fala, puta que pariu como exclama e pouco se indaga!

Essa ai deve chorar no banheiro já pra arrumar a maquiagem e ninguém nem sonhar que ela tem lagrimas, saindo de lá “renovada” com o brinde que fez a paumolecência cotidiana. Então ai fica meu pedido, vamos novamente de neon? De sentimento? De quebrar a cara mas por agir? Chega de transformar a realidade no seu conto de fadas/Facebook que você não vai ser melhor que ninguém com as suas 34 curtidas a mais que meu post depressivo, muito menos eu que estou me lamentando pela internet inteira em busca de um ombro e não um “compartilhamento” ou de alguém pra me ouvir e não “curtir”. 

Chega dessas certezas, vamos chorar muito porque fizemos merda e agimos como queríamos quando deu vontade e na hora que saiu o sentimento, nada de caso pensado, leite derramado a gente passa um pano em cima, ou você vai ficar esperando ele azedar pra fazer alguma coisa? Cuidado com as certezas ser sentimental e errante que lê este desabafo, chega de transformar tudo em texto, porque dói ver que alguém achou mesmo que seus sentimentos podiam ser transpostos por concepção de outrem. 

Eu não sou 140 caracteres, mais respeito que eu acho que não caibo nem em mim por isso vazo em lagrimas e palavras que logo acabam. Cuidado com as certezas que elas criaram Hitlers, Mussolines e Vargas. Graças a Deus nem todo otário cheio de certezas na cachola de bosta tem capacidade ou poder pra tudo que julga saber ou entender!


You Might Also Like

4 comentários

  1. Tô sem palavras pra escrever esse post. Sério, nunca li ninguém escrever de uma maneira tão aberta e sem estar em anonimato! Tipo de 1 a 10 eu dou 11 hehe
    Bjks!
    sonhice-s.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado!!! Preso muito pela sinceridade falada ou escrita!!!

      Excluir
  2. Não sei o que dizer realmente..
    Apenas que as vezes me sinto assim. sei la meio sozinha, precisando de um ombro amigo em vez de 'curtidas'.. Não vou negar que quando tinah facebook, postava minhas melancolias, mas era mais para desabafo do que status.
    Enfim, belo texto.

    Kisu
    eraoutravez.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é acho q todo mundo ja passou por isso, ver as curtidas aumentarem e sei lá, nenhuma janela ao menos subindo no facebook pra realmente saber como você está...

      Excluir

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.