a culpa é das estrelas

Filme - A Culpa é das Estrelas

10:00





Digito esse texto minutos depois de ter assistido a um dos filmes mais esperados do ano. Minutos esses que já foram mais do que o suficiente para me perder em meus próprios pensamentos. Sempre fui muito fã de livros que viraram filmes, principalmente depois de Harry Potter. Eu adorava comparar a visão do escritor, do diretor e a minha. Mas felizmente, com o tempo, aprendi a separar um pouco cada coisa e julgar as partes e não o todo. 

A Culpa é das Estrelas foi o primeiro best seller do autor John Green, hoje um dos meus preferidos, e não é por menos. A história gira em torno de uma garota, Hazel Grace, que é obrigada pela mãe a participar de um grupo de apoio à adolescentes com câncer. Lá ela conhece Augustus, um garoto super sarcástico e piadista. Já dá para imaginar o resto da história né?

Guardo um pouco meu lado fã e escrevo com meu lado crítico: o filme não deixou tanto a desejar. Apesar de ter focado bastante no romance em si e não na doença, como acontece no livro, sai de lá completamente satisfeita com a produção. Contudo acredito que esse lado mega Hollywoodano manteve o clichê o cinema americano, justamente por forçar demais algo que a gente já sabe que vai bater forte no peito. Mas essa é uma das poucas vezes que me senti na necessidade de observar e manter o luto aqui dentro. Porque todo mundo sabe que, quando um livro acaba, os personagens morrem com ele, né? Palavras de Peter Van Housen,

Embora completamente previsível John Green conseguiu arrancar boas lágrimas de quem se arriscou nesse drama, inclusive de alguns críticos de cinema. Nomeados por si próprios como "categoria notoriamente desalmada" perguntam o que esperar das pessoas com um coração. Sente o drama dessa crítica da Folha aqui

Embora eu seja um tanto quanto desapegada com relação a todo esse drama de príncipe encantado e amor eterno devo dizer que ainda existe um lado romântico aqui dentro. Uma parte que realmente acredita, no sentimento em si e não na eternidade. Posso garantir algumas risadas e inúmeros momentos em que você se apaixona perdidamente pelo casal. Seja pelas suas frases marcantes ou pelo seu jeito de enfrentar as incertezas. Talvez seja meu lado emocional ainda gritando aqui dentro, mas as lágrimas são certeiras. Prepare o lenço de papel e guarde a vergonha de chorar em público. Porque esse filme vai te fazer perder os sentidos.





















Quer ficar mais ansioso? Veja o trailler e se atualiza nessa playlist especial com todas as músicas desse que promete ser um dos grandes sucessos do cinema atual. E, se você já viu, tenho certeza que essas músicas vão te dar uma enorme vontade de correr de volta para o cinema.





















aculpaédasestrelasfeaturette


Prepare uma caixinha de lenços de papel e guarde no bolso a vergonha de chorar com tanta gente ao seu redor. Esse, com certeza, entrou para minha lista de romances preferidos do cinema atual. Se você gosta do gênero garanto que não vai se arrepender nem por um segundo. Vai lá, assiste, chora bastante e depois vem me contar o que achou!





You Might Also Like

2 comentários

  1. Aaaai preciso assistir esse filme, ainda mais agora depois de ler o seu post. Um grande droga não ter um cinema na minha cidade.

    http://lagrimas-de-diamante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meniiina como assim não tem cinema ai? To chocada!

      procura na internet porque vale MUITO a pena. Você não vai se arrepender. 

      Beijo ♡


      Excluir

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.