bienal do livro

Por Onde Andei - 23º Bienal do Livro de São Paulo

10:00

Bookss books books 📚📚📚

Sumi mas não morri! Essa deveria ser a frase da minha vida de blogueira, né? Mas tudo tem seu porquê. Já comentei que vou lançar um livro né? Pois nessa semana rolaram os acertos finais para que ele possa chegar logo nas mãos de vocês. E eu espero que isso aconteça logo, e com todo mundo, tá?

Se o final de semana foi feito para descansar não me contaram, ou ainda não descobri. Nesse sábado rolou o primeiro dia da 23º Bienal do Livro de São Paulo, evento indispensável para você que, assim como eu, é fã dessa coisa toda chamada literatura. Algumas pessoas chegaram a me perguntar como foi a Bienal anterior e eu fui sincera e disse: foi péssima. Porque realmente foi e esse ano eu esperava uma melhora que, infelizmente, não superou minhas expectativas.

Cheguei lá beeem cedo, oito horas da manhã já enfrentava a fila da bilheteria (porque esqueci de comprar antes - acontece hihi). Uma hora depois a fila foi liberada para compra e adivinha? Só consegui meu ingresso depois de quase duas horas. Até aí tudo bem, ou quase. O pior foi a fila para entrar que não existia. No começo, assim que sai da bilheteria, havia uma coisa organizada que cruzava as duas esquinas mais próximas. Depois virou zona - ou Brasil - porque todo mundo resolveu andar e que se foda toda essa coisa de organização, quem gosta de fila é formiga, sabe?

Eu vi crianças de colo sendo arrastadas para dentro dos portões. Tive que segurar minha irmã e meus amigos para que ninguém se perdesse ou se machucasse. Porque o trem na estação do Brás as seis horas da tarde é bem mais agradável do que a desorganização que rolou nesse primeiro dia. Isso porque mal passavam das dez da manhã! Outro ponto meeega negativo é que, num evento com mais de duas mil pessoas presentes, tínhamos apenas dois banheiros. É de matar qualquer um né? Sem falar que, para ajudar, também não tinha água. Sabe aquelas garrafinhas transparentes e deliciosamente geladas? Não tinha. Em lugar algum.

Fila para todos os lados, inclusive nos stands. Acredito que isso tenha ocorrido por ser o primeiro dia, final de semana e Kiera Kass - autora de A Seleção. Mas fora isso achei bem mais tranquilo que no ano anterior, com relação a super lotação nos corredores. Com exceção dos grandes e principais stands. Achei alguns livros super legais e baratos que eu tava afim de ler. Encontrei outros que sequer sabia que existiam e fiquei fascinada pela história logo de cara. Autores novos também, conversei com vários. O mercado literário brasileiro é bem difícil, sabia? Espero poder fazer resenha dos livros "mais desconhecidos e legais que encontrei" logo aqui no blog. 

Como disse anteriormente, no post do Dica Amiga sobre a Bienal do Livro em São Paulo, vá preparado. Para filas, multidão e calor humano. No fim vale a pena, se você gostar mesmo da coisa. Deixe crianças pequenas em casa, sério. Vi nenéns, de meses, sofrerem por conta da multidão e do calor. Vá cedo porque, embora haja uma dificuldade na hora da entrada, quando passar a catraca vai poder percorrer os corredores com tranquilidade. Leve água, muita água. Deixe os livros que você já tem na estante de casa, se tiver algum autor lá que você queira um autógrafo compre-o de novo, deixe tudo que for desnecessário no carro.

Ah, por falar em carro o estacionamento é bem caro, tá? A minha dica, mais do que amiga, é ir durante a semana se você puder. Há coisas suuuuper legais e interessantes para se fazer no evento, para conhecer e descobrir, mas de nada adianta nada com todos esses pontos negativos, né? Vá, compre váááários livros, se jogue nas asas da literatura. Talvez São Paulo não esteja preparada para receber essa overdose literária mas eu tenho certeza de que você está.


You Might Also Like

4 comentários

  1. NOssaaaaaaaaaaaa, foi péssima sua pré entrada kk
    Até que quando eu fui tinha bastante agua, acabava muito rapido e direito viamos pessoas com lotes de agua.
    Eu achei uma puta falta de organização na entrada, de resto só o povo mau educado que pede licença mas te empurra antes., Pessoas aff.

    Bjos =*
    www.eraoutravez.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pior é que na última foi assim também, a galera já deveria ter aprendido né? Mas no fim se a gente gosta sempre vale a pena um pouquinho de sofrimento hahaha

      beijos <3

      Excluir
  2. Nunca fui em nenhuma das edições. Morro de vontade de conhecer mas o seu post meio que me deixou com medo rsrs.
    Adorei a dica! Vou pensar sobre.

    yagaminana.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Raíne, não fique receosa. Não foi minha intenção, desculpa hahaha
      Mas as críticas foram por conta de que, um evento desse porte, deveria ser um tanto quanto mais organizado né? Mas vale a pena, se você tem vontade mesmo vá que eu tenho certeza de que não vai se arrepender!

      beijos ♥

      Excluir

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.