amor

Amar é simples, porra!

11:29



Toda as vezes que vejo alguém reclamando por amor, seja direta ou indiretamente, seja em qualquer rede social ou no meu próprio whatsapp, seja aquele amigo que ligou direto de alguma madrugada embriagada pelos prazeres frígidos da vida ou até mesmo um desconhecido na fila do pão, eu sinto vontade de pegar a pessoa pelos ombros, chacoalhar e dizer "o amor é simples, porra!"

Porque ele é mesmo. Amar é tão simples quanto respirar, nós já nascemos sabendo. Mas hoje, infelizmente, mais da metade da população sofre de doenças respiratórias e ai, bem, esquecem como é amar. O amor é algo que dá e fica. Ele fica com uma lembrança, um cheiro bom de perfume que invade suas narinas e carrega consigo um turbilhão destas. É um sentimento único, mas se engana quem pensa que ama-se apenas uma vez. O amor é simples, e bom demais para ser tomado em dose única.

Amor é aquele abraço quentinho no inverno gélido, aquele mesmo que aquece qualquer coração congelado. São aqueles pequenos momentos, os sorrisos mais largos e as gargalhadas mais sinceras. São todos os sentimentos bons que não conseguimos mensurar, juntos em apenas quatro letras. Amor junta os pedaços dentro de você e mostra que é possível sim amar de novo. E devemos, porque porra o amor é tão simples. 

Amor não é um buquê de flores todos os dias, café da manhã na cama depois de uma noite incrível de sexo quente ou um anel de brilhantes. Não cara, o amor é bem mais simples que isso. É uma rosa roubada do jardim da vizinha, da árvore da casa da vó, da praça. É um olhar carinhoso de quem pensa "meu Deus, eu tenho a melhor pessoa do mundo ao meu lado", é acordar vestindo a camiseta dele e dormir segurando ela bem forte pela cintura. É um carinho quando menos se espera, um beijo roubado na festa de família um sorriso com os olhos.

Amor é simples, a gente que complica.

Complicamos porque queremos sempre nos colocar na vida do outro. Somos egoístas e temos medo. Sim, eu me incluo nessa estatística porque descobri que tenho doença respiratória desde que nasci. Mas isso não significa que eu não tenha aprendido a amar. Foi difícil, devo confessar, mas depois que se aprende é impossível parar.

Amor não é carência, é carinho. É banho gelado em dias quentes, sorvete de flocos com cobertura extra e um suspiro no pé do ouvido que dá arrepios. Amor é quando nos sentimos bem, independente de onde estamos, só porque temos alguém especial do nosso lado. Amor é amor, porra são só quatro letras porque complicar tanto?

O amor é simples, como o nascer de uma árvore num campo minado. Pode parecer impossível mas as vezes a vida vem para nos provar que ele é real. Acontece, algumas bombas vão acabar explodindo, mas isso não significa que deva fechar os olhos para o mundo e o coração para o outro numa tentativa de não se machucar mais. Eu já disse que o amor recolhe os pedaços? Pois bem, ele junta tudo de volta no seu devido lugar. E se quebrar de novo? Paciência meu amigo, não se aprende a andar de bicicleta sem antes ter ralado um pouco os joelhos.

As cicatrizes nos mostram a veracidade das coisas. Passou, como tudo passa, então porque não nos darmos ao luxo de aproveitar o outro? Seja no amor, seja no desamor, seja na paixão, seja de manhã ocupando a maior parte da nossa cama de solteiro, seja na balada depois de finalmente ter conseguido chamá-lo para sair, seja no bar, seja na dor, mas que seja amor. 

Não reclame meu amigo o amor é simples, mas talvez você não esteja pronto para ele.


You Might Also Like

0 comentários

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.