amor

Saudade burra

07:48

+ em: http://instagram.com/tutu_matsu
E me vem de repente, do nada, uma saudade daquele estranho que já foi íntimo meu. Então eu me pergunto se talvez, quem sabe, seja porque ele também está pensando em mim. Isso, claro, no mundo ideal, onde teríamos uma conexão tão profunda e verdadeira que transcenderia até o momento em que finalmente nos entenderíamos e ficaríamos juntos.
Mas não, eu só estou falando sozinha sobre uma saudade burra e solitária. Ou será que não? Sinceramente, acho que nunca mais saberei. Porque a solidão cansa, e quem espera, nem sempre alcança. Mas tudo bem. Já chega de fugir da dor.
 
Eu choro até dormir abraçada com a pelúcia que você me deu, e amanhã eu esqueço.
 
Eu vou esquecendo.
 
Uma hora ou outra para de doer.
 
Eu sei que para, porque você não foi o primeiro.
 
Espero até que nem seja o último. Ou que seja. Que seja o que for. Hora ou outra, eu acabo morrendo de amor.
 

You Might Also Like

0 comentários

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.