amor

Carta aberta a todos os caras que a deixaram partir

11:04


Não vou dizer que vocês estão errados. Que foram precipitados ao deixá-la partir pela porta da frente como um entregador de pizza apressado. Ela assusta, eu sei porque me assustei também. Quando dei por mim estava com a cabeça presa em outro lugar, completamente fora do meu pescoço. Quando dei por mim não parava mais de pensar nela. Eu entendo, isso assusta. Mas não vim te julgar, vim te agradecer.
 
Agradeço a você que não conseguiu segurar ela um domingo inteiro na sua cama, debaixo do cobertor e de frente pra TV. Você nunca soube mas, cara, ela trouxe cor para o pior dia da semana. Mas não se culpe, ela aprendeu bastante com caras como você. Aprendeu a não se entregar de primeira e recuar o mais rapido possível quando sente que seu coração começa a palpitar. Obrigado, de verdade, por não ter tido a paciência de viver no tempo dela.
 
Se não fosse por você eu nunca a teria conhecido. Talvez você tivesse conquistado finalmente o coração dela e estaria ali, do outro lado da cama de solteiro, no meu lugar. Era você o cara que abriria o pote de palmito para ela e ficaria observando comer palitinho por palitinho na frente da TV. Obrigado por ter desistido ou, do contrário, seria você que faria dela a mulher mais feliz do mundo.
 
Obrigado por ter desistido. Por ter partido na primeira crise de ciúmes bobo, você nunca vai saber como ela fica linda fazendo bico. Você que foi embora logo depois da primeira noite porque achou que a experiência dela entre os lençõis era demais comparada a sua, e que a julgou por isso um pouquinho que seja. Obrigado por me proporcionar o melhor orgasmo da minha vida.
 
A você que partiu e a deixou mais confiante, sabe que ela fica linda quando fala de si, né? Obrigado por ter partido e deixado ela aos pedaços para que poder resgatar e ensina-lá a amar novamente. Sem vocês, espécies de homens-garotos, eu não estaria ao lado dela. Sem vocês ela não teria se tornado a mulher que é hoje em dia. Sem vocês eu nunca poderia acordar com o sorriso dela logo cedo.
 
Então muito obrigado. Pela falta de paciência, pelo excesso de confiança com seus próprios pênis e por estarem precupados demais para se manterem presos a alguém. Eu gostaria de apertar a mão de cada um de vocês.

Obrigado por terem dado errado com essa mulher. Obrigado por erraram com ela para que, entre todas as curvas pelas quais se viu obrigada a passar, ela pudesse finalmente me encontrar.

Obrigado por terem dado errado com ela, para que ela pudesse dar certo comigo.


 

You Might Also Like

0 comentários

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.