dica

Filme: Maze Runner - Prova de Fogo

13:17

Imagem de popcorn, cozy, and film

Muito mais empolgante e frenético que o primeiro filme, isso é fato. Não que o primeiro seja ruim ou horrível, mas sofre da síndrome de filme de início de franquia, que tem o dever de apresentar os personagens, introduzir aquele novo mundo e engatar uma história. O ar de mistério do primeiro Maze Runner é ótimo, é o que te prende até o fim, porque quer descobrir o que é CRUEL, por que existem os labirintos e por aí vai, mas a ação começa lá para a metade do filme e o começo não é muito empolgante.


Neste segundo filme, o tom é bem diferente, bem mais corrido (não de forma exagerada) e os protagonistas enfrentam problemas atrás de problemas. E com infectados perseguindo-os, o que dá um gostinho a mais. Os infectados com fulgor não são zumbis, mas tem alguns pontos parecidos e eu AMO histórias de zumbis, então adorei esse diferencial do primeiro, e pode esperar muita perseguição também.


Dylan O’Brien (Teen Wolf) é um ótimo protagonista e além do carisma tem presença em cena, aguenta a carga e nos entrega um bom trabalho, fazendo com que você se importe com Thomas. E o personagem é esperto, desconfiado, gosto disso. Giancarlo Esposito (Gus Fring, Breaking Bad) é outro personagem com muita presença e carisma. Introduzido apenas nesse filme, não tem muito desenvolvimento de fato, mas ainda assim, por conta da qualidade do ator consegue se destacar em algumas cenas. Jorge é um cara que acima de tudo tenta sobreviver e lucrar, seus momentos em cena são ótimos.


Os demais personagens ficam na maior parte do tempo em um mesmo patamar, são apresentados de forma mais superficial, sem grande foco, mas dá para levar, não chega irritar no momento em que está assistindo.

O filme tem um ritmo bem frenético, bem excitante, a ação não para, a perseguição também não e os problemas muito menos. Esse é o ponto mais interessante no filme todo, o que tem mais destaque, e por isso você fica vidrado, agoniado e entretido. A história é menos complexa que a do primeiro, você ainda tem alguns mistérios, mas o ponto principal aqui é a fuga e a sobrevivência. Com isso não há tanto desenvolvimento de história e personagem, mas é muito legal, divertido e te prende do início ao fim.


Um dos pontos ruins é o clichê inicial sobre as pessoas que os salvaram não serem quem dizem ser, e o lugar “sagrado” onde os jovens escolhidos são levados, no qual é o sonho de todos ali, não chegar nem perto do que promete. Isso é muito comum, já vimos isso vários filmes, em “A ilha”, por exemplo, e até mesmo em Pica-Pau, então é previsível, mas depois melhora.

Não é aquele filme extraordinário, nem com críticas tão consistentes como “Jogos Vorazes”, mas a meu ver quase todas essas novas franquias juvenis que vem sendo lançadas possuem suas críticas e pontos positivos.


Mas é aquele tipo de filme para juntar os amigos e assistir na companhia de muita pipoca, diverte e prende bastante, é grande, mas nada cansativo.



You Might Also Like

2 comentários

  1. Tô curiosa pra assistir aos filmes dessa franquia, mas antes quero muito ler aos livros. Aquela coisa de sempre rs.beijos
    http://jurodemindinho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk Aquela velha mania de querer ler os livros antes e depois acabar se decepcionando com a adaptação... Quem nunca? kkk

      Beijos Lau ;)

      Excluir

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.