5 de fev de 2016

Sexo sem Tabu - Será que a Sandy tinha razão? (+18)


5 posições sexuais para você chegar ao orgasmo rapidinho - SUPERELA

Se você passou dos vinte com certeza já se fez essa pergunta. Será que ela, aquela mulher decidida, que cantava sobre todos os seus relacionamentos da adolescência, que inspirava nos melhores passinhos, nas melhores letras e canções que faziam nosso coração delirar teria continuado a inspirar as jovens que, como ela, cresceram e agora são mulheres? Será que é possível sentir prazer anal?

Eu tenho um amigo que diz "se dar o cu fosse bom eu não veria tanta cara de desespero em quem tá em baixo", tá legal pode até ser. Mas a pergunta que prevalece é se não fosse bom, será que alguém faria? Será que ainda existem pessoas presas ai relacionamento a ponto de fazer algo que não se sintam a vontade só para agradar o parceiro? Pois é, infelizmente tem sim. Mas também tem gente que se sente livre para fazer o que bem entender e essas pessoas assumem que gostam. E gostam demais.

Talvez seja um pouco relacionado a cultura da auto preservação. Porque mulher que se preze não faz essas coisas. Mulher para casar não assiste vídeo pornô, não descobre seus prazeres sozinha, não transa no primeiro encontro e muito menos ter prazer anal. Esse é o pensamento da sociedade atual. Meu Deus em pleno 2016, dá para acreditar?

Acredito que o sexo deva ser favorável para todas as partes envolvidas. Tá gostoso? Não para. Tá incomodando? Peraí, vamos tentar outra posição. Tem vontade de experimentar mas não sabe o que aquela sua amiga iria pensar disso? Deixa ela, a vergonha e a calcinha do lado de fora do quarto. Sexo se faz em quatro paredes com alguém que você confia. Pra que vergonha?

Não se importe com opiniões e tabus. Não passe vontade, não durma sem saber como poderia ter sido, não deixe que as pernas parem de tremer porque parece sujo, parece errado.

Porque uma hora você aprende que a definição de sexo é "quando mais sujo melhor". Então vai, se lambuza.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários