amor

Batman vs Superman e uma blogueira em óbito

12:57

Imagem de food, popcorn, and delicious

Se eu pudesse voltar no tempo eu me visitaria ainda menina. Seria uma visita bem rápida. Meu eu criança estaria brincando de se fantasiar de super herói (sim, eu era dessas) e meu eu adulto chegaria, com essa cara de quem precisa de mais alguns cafés, apenas para gritar: MENINA SE SEGURA QUE O FUTURO DO CINEMA TÁ UMA DELICIA! Meu eu criança provavelmente ficaria louco antes do tempo, bem parecido comigo agora. Mas o fato é: que maravilhoso esses novos filmes de super herói!

Fui assistir Batman Vs Superman esse final de semana e saí do cinema com os olhos cheios d'água porque já tinha terminado, quase três horas não foram o suficiente para mim. Mas vamos falar do filme e deixar a blogueira doida de lado.


Produção, áudio, fotografia, efeitos especiais... nada do que reclamar. Esse filme supre muito as necessidades que a gente tem disso tudo. É uma promessa que foi feita desde o primeiro trailer e eu garanto que foi cumprida. O Ben Affleck nunca me surpreendeu como Batman, confesso, mas o garanhão se superou muuuito para esse novo longa! Acho que ele finalmente está pegando a essência do personagem mas não vamos julgar, sabemos que carregar o Batman nas costas não é fácil, né? (imagine a responsabilidade do Leto com o próximo Coringa)


Acho que deu para perceber que sou #TeamBatman, né? Mas vou te contar uma coisa bem legal: durante o filme bate aquele desespero de ambos os lados. "Ah meu Deus, o Superman tá apanhando.... Não, agora o Batman ta apanhando, para!..." e assim vamos passando cada minuto dentro da cadeira dura do cinema com a pipoca murcha implorando para ser devorada.

Não vou entrar muito em detalhes técnicos, como a Sara geralmente faz. Esse é um post mais "desabafo da blogueira" mesmo. 


Mas se você chegou a pensar duas vezes antes de ir ao cinema eu te ajudo: pelo amor de Deus, vá! Leva a namorada, o filho do vizinho, aquele colega de faculdade que você nem gosta tanto ou vá sozinho. É um filme que vale a pena do início ao fim.

É impossível descrever todas as sensações que eu tive enquanto o filme rolava na tela. Me vi criança ainda, quase chorei, até chegar no ponto que eu chorei de verdade e me expressei muito durante o longa todo (peço perdão para o casal atrás de mim por isso, não consegui me controlar).

Uma única crítica aqui fica ao Cinemark, especificamente: melhorem a qualidade dos filmes 3D! Eu saí da lá morrendo de dor de cabeça por conta do óculos que, aparentemente, tinha algum defeito.


Mas se rolou uma dúvida ou se você tá esperando sair na internet para ver de casa mesmo, deixa que eu te ajudo a decidir: desliga esse computador vá ao cinema!



You Might Also Like

0 comentários

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.