13 de mai de 2016

Sexo sem Tabu - Precisamos falar sobre virgindade (+18)

Imagem de love, couple, and kiss

Eu sei que a idade do pessoal que acessa nosso cantinho é bem diversificada, mas recentemente descobri que temos muitos Idealiizadores (posso chamar assim?) bem jovens. A tag Sexo sem Tabu é uma das mais acessadas aqui do blog e a gente sabe que a curiosidade sobre o assunto é frequente para qualquer idade. Defendemos a liberdade sexual de todos, mas antes de falarmos dela novamente que tal conversamos um pouquinho sobre essa tal de virgindade? Se liga no que você precisa saber antes de fazer.

1) A pessoa e o tempo certo são importantes sim

Lembra quanto te perguntam sobre seu primeiro beijo, ou sobre aquele encontro do final de semana, qual a primeira coisa que você faz? Suas lembranças batem a porta e você consegue contar até qual a camiseta que ele usava enquanto passava o braço por trás da sua cadeira no cinema. Você lembra até da marca do chilete que ele te deu, da roupa que você escolheu e o gosto do beijo dele. Então, como você quer que seja a lembrança dessa experiência? Não precisamos banalizar o sexo, ele chega quando tiver que chegar. Não fique ansioso, não conte as horas e muito menos seja influenciado pelos amigos. Conheço pessoas que já passaram dos 23 anos e batem no peito que ainda são virgens porque não conheceram alguém especial e qual o problema disso?

2) Vai doer, mas você não vai morrer por isso

De todas as amigas com quem conversei sobre isso uma porcentagem bem legal delas (no caso todas) disseram a mesma coisa: vai doer e as vezes vai doer muito. Tá vendo como o tópico anterior é importante? Você precisa ter confiança e saber que, além da sua experiência, estão também sua saúde e segurança - e os garotos também. Muitos dos meus amigos relatam que a primeira experiência não foi legal por inúmeros motivos: foi estranho, estava acostumado com a punheta em baixo do chuveiro ou que doeu bastante. Essas coisas acontecem e provavelmente vai acontecer com você também.

3) Previna-se, isso não é brincadeira

O número de gravidez indesejada e doenças sexualmente transmissíveis no Brasil ainda é absurdo, é preciso tomar cuidado. Independente de quão lindo e perfeito esteja sendo durante as preliminares nunca deixe de se prevenir. Para as garotas, que tal começar a tomar anticoncepcional quando sentir que esta ficando pronta para transar? Não tem problema nenhum aderir a pílula e não fazer sexo, é até legal pois você se acostuma com ela. Não vá pensando que tomar dois comprimidos já resolve porque o corpo demora algum tempo para se acostumar com aquele estrogênio extra. Mas nunca se esqueça, em qualquer relação, use sempre camisinha.

4) Não faça nada que não tiver afim

E daí que ele diz que já fez sexo anal e era muito bom? Se você não quiser saiba dizer não, até porque você não é obrigada. Existem relacionamentos que rola uma pressão do parceiro para o sexo e, independente da sua idade, você tem todo o direito de dizer não caso não se sinta a vontade para fazer. Ninguém é obrigado a chupar um pau se não quiser, assim como não é obrigado a transar para ser aceito pela roda de amigos. 

5) Sexo não segura relacionamento

Ele pode ser incrível, pode ser uma troca de sensações maravilhosa mas, ainda assim, não segura ninguém. Esqueça isso, o que segura é o amor e apenas isso. Com o sem sexo, se a pessoal gostar de você de verdade ela vai aceitar suas decisões. Caso contrario, já sabe o que fazer: é hora de dar tchau.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários