dica

Série: Master of None

17:16



Em Master of None, comédia Original Netflix, acompanhamos a vida de Dev (Aziz Ansari), um ator de 30 anos que mora em Nova York.


Com essa sinopse simples, você até pode não levar Master of None muito a sério, mas saiba que foi uma das melhores surpresas de 2015. Eu sei que estou indicando-a com atraso, você deve estar se perguntando porque não falei dessa série antes. Confesso que não sei ao certo, acho que fui deixando para depois e acabei esquecendo, mas com o prêmio de melhor roteiro de série de comédia no Emmy do ano passado (torci tanto por isso :D), lembrei que é o tipo de série que o mundo precisa ver e que vocês mereciam essa indicação, então vamos lá.

Simples, inteligente, crítica e incrivelmente gostosa de acompanhar, a série trata de muitos assuntos importantes relacionados à vida adulta. De forma delicada, a cada episódio temos uma discussão diferente, sempre com ótimas críticas e reflexões.

Entre os meus favoritos estão os episódios 2 (Parents), 4 (Indians on TV) e 7 (Ladies & Gentlemen). Parents (episódio ganhador do Emmy 2016 por melhor roteiro), mostra a relação dos personagens de Dev e Brian com os pais imigrantes que lutaram muito para construir uma boa vida para os filhos nos Estados Unidos. É incrível como conseguem desenvolver os pais dos personagens tão bem e em tão pouco tempo, afinal estamos falando de episódios com no máximo 30 minutos. O episodio é muito bonito e tocante e mostra como todas as pessoas podem ter histórias incríveis e emocionantes, é só dar uma chance.


Indians on TV, discute brilhantemente a presença dos indianos na TV e demais minorias, “Por que em uma série quando há um grupo de amigos, há apenas um negro, indiano, ou asiático? O que acontece se tiverem dois?” Preconceito e oportunidades são muito discutidos aqui, de forma leve e esperta.

Ladies & Gentlemen, um dos melhores episódios da temporada, e de quase todas as séries de comédia que assisto, debate sobre homens e mulheres, relações e diferenças no mundo. De forma engraçada e genial, temos de forma bem explícita na tela muitas verdades que grande parte das pessoas ignoram. Um exemplo bem pequeno para não passar spoilers, é o comecinho do episódio onde vemos homens e mulheres andando na rua de madrugada. Enquanto Dev e o amigo vão andando tranquilamente, conversando e rindo, do outro lado temos uma colega de trabalho de Dev andando na rua nervosa, olhando para os lados e com o número da polícia já discado no celular. Até a trilha muda quando há trocas de cenas entre os dois homens e a mulher. Isso te lembra alguma coisa? Talvez a forma como todas nós mulheres sempre estamos apreensivas na rua devido a todo o perigo que estamos sujeitas toda vez que saímos de casa? Ou até mesmo dentro de casa.


Isso é apenas um pouco do que você vai encontrar em Master of none, que possui um roteiro fantástico e ótimas atuações. Preconceito, sexismo e racismo, são apenas alguns pontos discutidos aqui, todos muito bem pensados. Chefiada pelo ótimo Aziz Ansari, rosto já conhecido das telinhas por Parks and Recreation , a série possui extrema delicadeza e permeia diversos assuntos pertinentes, mas sempre de forma sutil e muito realista, é muito fácil se identificar com os personagens e se imaginar em suas posições.

O relacionamento explorado de Dev e Rachel nos episódios Mornings e Nashville também é fantástico e muito bem desenvolvido, não é apenas aquela coisa bonitinha, conto de fadas. Eles brigam, discutem, mas se amam e se reconciliam, brigam de novo, mas seguem a vida porque o que importa é o agora.


A abertura tem um toque muito bonito e original. Dá aquela impressão de filme antigo, com os créditos no início. As referências também são ótimas.

Eles falam de "Sherlock" na série gente :D
Uma coisa que você precisa saber para não se decepcionar por esperar algo diferente de Master of None, é que não se trata de uma série que você dá gargalhadas o tempo todo. Eu na verdade a considero mais “Dramédia” do que comédia, porque o drama aqui é mais assíduo do que a comédia. Mas a graça e piadas bem distribuídas permeiam toda a obra que é deliciosa de acompanhar e sempre te deixa com um sorriso no canto da boca. A série abrange bastante as ironias da vida, com bastante sinceridade sempre se equilibrando nas partes boas e ruins.


Inteligente, engraçada, fofa e além de tudo sobre a simplicidade de certas coisas da vida, em seus 10 episódios, Master of None conquista, encanta e diverte, se provando como uma das melhores séries do gênero.



You Might Also Like

0 comentários

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.