dica

Filme: Animais Noturnos

12:00

Imagem de popcorn

Animais noturnos nos apresenta Susan (Amy Adams), uma curadora de arte bem sucedida que recebe o manuscrito do romance do ex-marido, Edward (Jake Gyllenhaal). A partir daí a história se desenvolve através de três narrativas, o presente de Susan, em um casamento infeliz, a história do livro de Edward, contando a viagem de uma família que acaba se tornando um pesadelo violento, intitulado Animais Noturnos, e o passado de Susan e Edward, no qual a leitura do livro faz com que a personagem relembre a todo momento seu relacionamento anterior.


Diferente, instigante e inovador, Animais Noturnos impressiona e fascina, mas não é feito para qualquer espectador. Com um desenvolvimento lento, mas bem trabalhado com tensão e uma atmosfera sombria, o filme é cheio de simbolismo e metáforas e brinca com a imaginação de quem assiste, nos fazendo refletir sobre escolhas. Tudo o que vamos vendo em tela enquanto Susan lê ao manuscrito, remete a pequenos detalhes que discutem o relacionamento dela e de Edward 20 anos antes, assim como sua vida atual, frustrada e solitária.

As três camadas narrativas são densas e brincam com a linearidade, com uma montagem excelente, cada parte nova da história é uma peça de um quebra cabeça. Principalmente para a compreensão do relacionamento dos personagens de Amy e Jake.

A trama é muito intrigante e faz quem assiste ficar cada vez mais imerso na história, o teor do livro é angustiante, a história violenta e cruel é desconfortável e chocante.


A estética implementada pelo diretor Tom Ford é de encher os olhos, é impossível não ficar atraído pelas cores, design e diferentes nuances que se alternam durante as mudanças de narrativa. O filme passeia do belo e elegante para o visceral e cru em questão de segundos.

As atuações estão inquestionavelmente bem feitas. Amy Adams entrega uma Susan prática, melancólica e soturna de forma impecável. Jake Gyllenhaal sempre esnobado nas grandes premiações (lembre-se que Jake foi esquecido nas indicações da academia em excelentes trabalhos como Os suspeitos, O abutre, Nocaute e agora em Animais noturnos) novamente entrega uma atuação competente, aflita e cativante.


As indicações de Aaron Taylor-Johnson ao Globo de Ouro (Aaron venceu a categoria) e de Michael Shannon ao Oscar são válidas e justas, os dois estão impressionantes, principalmente Aaron irreconhecível e totalmente diferente dos papéis aos quais está acostumado. Shannon como sempre entrega uma ótima atuação, no entanto é revoltando ver Jake com uma atuação fantástica, e sendo o personagem com mais tempo em cena totalmente esquecido.


Animais Noturnos não chega a ser extraordinário se formos comparar com outros lançamentos que também buscavam indicações ao Oscar, como Moonlight, La la land e Arrival, porém considero o filme injustiçado, apesar de não ser sublime merecia mais indicações além da de coadjuvante de Shannon. O filme é intenso, não deixa de ser interessante em momento algum e fascina muito. A obra é complexa e forte, a estética fantástica auxilia a atmosfera obscura, e as ótimas atuações valem o tempo gasto. Além de tudo o longa possui diversas discussões interessantes sobre escolhas, sociedade, vingança, traição, relacionamentos e as personalidades de um artista. O filme realmente me deixou enfeitiçada com a proposta diferente e possui o potencial para ficar na cabeça por dias.



You Might Also Like

0 comentários

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.