amor

Um ode ao amor livre!

13:45

Imagem de couple, love, and goals

Há muito tempo eu tinha minha percepção de amor de como era, de como sempre seria.

“Eu gostar de rosas? Ou, assumir relacionamento em rede social? Não é maduro postar foto quando quer, nem é cool fazer declaração explicita.”

Quem era eu pra mandar em algo? Ou você? Ou alguém?

Tem dia que eu quero gritar para o mundo que eu conheci e reconheci em outro alguém o amor que eu quero pra minha vida toda. E qual o problema? Eu grito. É brega, ta longe do que a gente acha que vai fazer quando se encontrar, mas a gente faz. Porque o amor não é sempre maduro, não é cool, não segue os nossos padrões. Passei a vida falando que aliança não precisava, rosa morre logo, sair pra jantar é besteira, mas quem foi que decidiu por nós que era?  

Sabe quando a gente conhece os erros de alguém e os acertos também, quando a gente dorme com o gosto na boca de que nem tudo foi dito, acorda com saudade e mesmo assim acha que precisa de mais tempo? De mais certeza? A questão é, quem te garantiu que haveriam certezas? Quem é que enfiou na nossa cabeça que o carro de som é brega? Que a cartinha feita a mão é ultrapassada?

Quem foi que proibiu se identificar com sertanejo meloso? Ou com um pop batido? Me diz quem foi. Quem foi que decidiu por nós que se ver todo dia é perigoso, enjoa, estraga? Quem foi que garantiu que o segredo é manter segredo?

Um ode ao amor livre! Ao que cala e ao que grita, ao que escandaliza e ao que chega quietinho. E uma palma sonora e lenta ao amor que sobrevive sem objeções. Que sejamos livres com nossos corpos, nosso gêneros, nossos desejos, e com os nossos amores.

Por favor. 


You Might Also Like

0 comentários

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.