fim da banda

O Rappa: Seria o fim de um legado?

14:00


Na última quarta-feira (3), quando estávamos falando da nova turnê do Bruno Mars, uma das maiores bandas brasileiras anunciou o fim da trajetória. O Rappa, embora não seja um dos estilos mais apreciados por mim, o reconhecimento é inevitável. Eles fizeram o comunicado pelas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter. Segundo as publicações, o grupo deve parar em fevereiro de 2018, com o término da última turnê que está em andamento, e a pausa declarada não tem previsão de retorno.


O Rappa é uma banda brasileira formada em 1993, no Rio de Janeiro. Com a mistura de hip hop, reggae, rap, MPB e rock, o estilo do grupo sempre trouxe fortes letras de caráter social e denúncia. Teve como primeiro disco "O Rappa", porém, foi com o segundo álbum "Rappa Mundi", em 1996 que conquistaram a fama no Brasil. Ao todo foram 12 discos lançados com mais de 5 milhões de cópias no mundo todo.


A banda é atualmente formada pelo vocalista Marcelo Falcão; o tecladista Marcelo Lobato; o guitarrista Alexandre Menezes, o Xandão; e o baixista Lauro Farias. O Rappa já foi premiado pela MTV Video Music Brasil e Prêmio Multishow. Dentre os os sucessos mais conhecidos, temos: "Pescador de Ilusões", "A Feira", "Miséria S.A.", "Lado B Lado A", "Rodo Cotidiano", entre outras.

Agora, pra relembrar as melhores músicas e esquecer um pouquinho essa notícia ruim, vamos eternizar a banda com essa playlist incrível no Spotify:


You Might Also Like

0 comentários

Comentários

SUBSCRIBE

Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf
Todo o conteúdo é criado pela equipe do blog e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada ao seu devido autor. - See more at: http://www.raiannymartins.com/2014/03/cartas-para-o-meu-primeiro-amor-mais-um.html#sthash.F1Ctpv9o.dpuf

Todo o conteúdo é criado pela equipe Idealiizar e qualquer cópia total ou parcial deve ser creditada a seu devido autor. Todas as opiniões aqui expressas são de total responsabilidade de seus autores. Declaro que as imagens aqui utilizadas não são de minha autoria, salvo exceções, e que qualquer problema relacionado ao uso indevido de imagem deverá ser encaminhado para idealizar.me@gmail.com.