24 de ago de 2017

Primeiras impressões: Mr. Mercedes


Adaptação da obra homônima de Stephen King, Mr. Mercedes segue a história de um assassino em massa que atropela pessoas com uma Mercedes roubada. A narrativa se divide entre mostrar a vida do assassino e a investigação do detetive Bill Hodges.

O piloto foi uma grande surpresa, a qualidade do episódio agrada bastante e a atmosfera de suspense envolve. A sequência inicial apresenta um crime chocante e em poucos minutos faz com que nos importemos com as vítimas. O desenvolvimento é satisfatório, apresentando os elementos da trama aos poucos e mesmo com quase 1 hora de duração não soando arrastado.


Os diálogos são coesos e interessantes, neste episódio o roteiro se mostrou bastante inteligente e intrigante, prometendo aprofundar os personagens centrais.

A trilha sonora também é marcante e presente durante todo o episódio, ela consegue dar o tom certeiro a diversas cenas.


Os personagens principais são bem apresentados, Brendan Gleeson, que interpreta o detetive Bill Hodges, mostra grande carisma, a impressão que fica é que vem coisa boa por aí e que ele ainda vai surpreender.

O competente Harry Treadaway, que já nos dava calafrios em Penny Dreadful como o Dr. Victor Frankenstein, conseguiu se mostrar eficiente no piloto. O personagem aparenta ter várias nuances a serem exploradas e promete ser um vilão marcante.


Até agora dois episódios de Mr. Mercedes foram lançados, eu assisti apenas ao primeiro, e mesmo sendo difícil saber se as coisas continuarão no bom caminho, o começo da série agradou, prometendo ser uma obra promissora.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários