10 de out de 2018

Me deixa escrever sobre você?



Um dia eu quero escrever sobre o nosso amor, que não é prefeito, já adianto, mas a gente faz tudo dar certo no fim do dia. Algum dia eu vou escrever sobre todas as coisas que já passamos juntos, todos os nossos encontros e desencontros nessa vida. 

Afinal, quem diria que fossem tantos desencontros assim né?

Algum dia, não importa quando ou como, eu vou escrever exatamente como nos conhecemos e que nunca iriamos imaginar que, anos depois, estaríamos juntos. Porque a vida é realmente muito louca, né? E que bom porque, como te disse várias vezes, gente normal cansa.

Gente normal quer ter um par de filhos e um dog para passear num parque domingo a tarde. A gente não. Nós queremos conhecer o mundo, mesmo sem sair de casa. Mesmo que esse mundo seja todo projetado nas nossas mentes. Pois é, um dia eu ainda vou escrever sobre isso. Sobre todas essas brisas que temos quando estamos juntos.

Um dia eu vou escrever sobre todas as coisas que dissemos um para o outro. De todos os nossos toques, no cheiro que ficou grudado na minha roupa desde a primeira vez que fizemos amor e de todos os abraços que vou de dar. Claro, ainda preciso fazer com que você não sinta vergonha de me abraçar, com carinho a gente chega.

Um dia vou escrever como você fica lindo quando ta nervoso com alguma coisa que nem tem importância, e eu dou risada sempre que você faz isso. Algum dia eu vou escrever como todos os nossos sonhos vão se realizar, por mais malucassos que eles sejam. Quer comer um hotdog que só vende em Londrina? Eu vou contigo buscar. Porque a vida sem um pouco de aventuras, e loucuras, não é nada.

Um dia vou escrever sobre como eu era apaixonada por você antes que você se desse conta disso. Um dia... quem sabe. Será que falta muito pra esse dia chegar?


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários